11.7.17

Cada vez mais desligo das pessoas

Considero-me um bom conversador. E um bom ouvinte. Mas cada vez mais tenho menos paciência para pessoas que falam, falam e falam sem parar. Aquelas pessoas que têm algo a dizer sobre tudo.

Ou aquelas pessoas que transformam a escolha de uma cor numa lição de vida ao estilo do melhor life coach do mundo. Por isso é que cada vez mais dou por mim, sem que faça por isso, a desligar-me de conversas que ouço.

Parece que o meu cérebro tem um dispositivo que faz com que ignore pessoas que têm muita informação para dar. Mas informação que não quero receber. Até porque escolher uma cor, um prato ou uma bebida não tem de ser uma lição filosófica sobre o sentido da vida.

Sem comentários:

Enviar um comentário